Na beira do lago



As palavras cansadas,
sentam-se enfileiradas na beira da água.

E contemplam os circulos concêntricos
com os olhos espantados e prenhes de esperanças.

Lígia Gomes Carneiro

Um comentário:

ligado em imagens disse...

que volta bico