Fernando Pessoa

"A vida é uma viagem experimental, feita involuntariamente.
É uma viagem do espírito através da matéria, e como é o espírito que viaja, é nele que se vive.
Há, por isso, almas contemplativas que têm vivido mais intensa, mais extensa, mais tumultuariamente do que outras que têm vivido externas.
O resultado é tudo.
O que se sentiu foi o que se viveu.
Recolhe-se tão cansado de um sonho como de um trabalho visível.
Nunca se viveu tanto como quando se pensou muito."

[
Fernando Pessoa – O Livro do Desassossego]

6 comentários:

Hod disse...

Lindo momento com Pessoa.
Sentimentos que passeiam por seu coração Andrea.

Forte abraço

Hod.

Ana Cristina Cattete Quevedo disse...

Fernando Pessoa sabe pegar aquele fio de pensamento escondido lá no fundo e transformá-lo em deleite para olhos e almas.

Beijo grande, Andrea

:)

Paulo Zerbato disse...

Parabéns Andrea pelo maravilhoso Blog...suas postagens são ótimas!!! Obrigado por adcionar-me!
Abraços,
Paulo.

Andrea Galvez disse...

Oi Hod!

Pessoa é puro sentimentos...

Bom você aqui...:)

Abraço*

Andrea Galvez disse...

Ana...digo que Pessoa quando nasceu não chorou, cantou letras...:)

Beijo grande pra ti também...:)

Andrea Galvez disse...

Oi Paulo

Obrigada, suas artes são de uma expressão ímpar, gostei muito!

Abraços pra ti!*