“O que o acordou foi o silêncio.

Primeiro, o do despertador que não tocou à hora combinada todas as manhãs.
Depois, o de outra respiração, que devia ouvir e não ouvia.
Estendeu a mão para o quente do outro lado da cama e encontrou o frio.
Apalpou e encontrou vazio.
Então, sim, despertou completamente”


David Crockett em  Não te deixarei morrer

4 comentários:

Wanderley Elian Lima disse...

As vezes a ausência, nos faz repensar os motivos da ida.
Bjux

Daniel disse...

Sinais de alguém que afastou os seus amores de perto de si.
Daniel

Maria Rita disse...

Pior do que o frio que maltrata a pele é o frio que maltrata o coração!

Beijos

Xana disse...

O barulho do silencio, é o nosso pior pesadelo, queremos acordar dele, queremos o silencio do barulho e não conseguimos que isso aconteça:(

voltei e adorei