Lua Adversa



Tenho fases, como a lua
Fases de andar escondida,
fases de vir para a rua...
Perdição da minha vida!
Perdição da vida minha!
Tenho fases de ser tua.
tenho outras de ser sozinha.

Fases que vão e que vêm,
no secreto calendário
que um astrólogo arbitrário
inventou para meu uso.

E roda a melancolia
seu interminável fuso!
Não me encontro com ninguém
tenho fases, como a lua...
No dia de alguém ser meu
não é dia de eu ser sua...
E, quando chega esse dia,
o outro desapareceu...

Cecília Meireles

the boulevard of broken dreams - (Diana Krall)

4 comentários:

tossan disse...

Tudo e Mais um Pouco... Quero ver sempre estas fotos, os lindos poemas e o sorriso. Bj

O Profeta disse...

Construí um abrigo no deserto da emoção
Os vales são as ruas de um Deus
Fecha-se a alegria da terra
Um último olhar de amor, solto dos olhos teus

Na noite tudo se perde
Mora a sombra, o desvario
A indomável vontade do amor
Tem a força de um Rio


Bom fim de semana


Mágico beijo

Xana disse...

Hoje estou Lua cheia, e muito feliz :)
espero que o teu fim de semana seja também iluminado. beijinho

Anônimo disse...

viu a lua ontem a noite ?