Portas



Portas, apenas portas,
Mas significativas...

Algumas se abrem para o sucesso, outras para o fracasso
Algumas para os encontros, outras para as despedidas,
Abrem caminhos para outras entradas
Outras, se abrem para algumas saídas...

Há portas que se abrem para sol
Portas, para o véu da noite.
Algumas para grandes subidas...
Outras para descidas íngremes.

Portas são como escolhas,
Você as abre se quiser.

Muitas são grandes, outras pequenas
Não importa o tamanho,
Você terá sempre que passar por uma.

Aquela que poderá dar a você
A Melhor notícia do mundo,
Ou também, uma notícia ruim.

São portas, apenas portas
Por elas passarão os que nascem
Por elas, passarão os que um dia irão partir...

São Portas, apenas Portas,
Onde você quem faz a escolha,
Entrar por esta passagem aberta, ou sair...

São Portas...
Apenas Portas...

Andrea B. Galvez

6 comentários:

EDER RIBEIRO disse...

Existem aquelas que queremos abrir para quem esperamos chegar. Bjos.

Xana disse...

Que bom a gente ter muitas portas e ter opção para escolher :)
beijinhos e diverte-te este domingo

Eduardo Miguel disse...

Mais do que abrir ou fechar elas nos permitem passagem em semantica poética de uma verdade que nem sempre percemos, intensas palavras pertinentes e atentas como sempre apontando caminhos e á se permitir em reflexão quem sabe evoluir!!!
Meu sempre carinho e respeito com grande beijo á dona rafa também.

Kyria disse...

Muito bacana seu blog, acabei de conhecer e sempre voltarei, abri a porta,bjs

PAS[Ç]SOS disse...

... portas e portas abertas... e as que se nos fecham? e as que somos incapazes de abrir? e as que não nos deixam abrir? portas e portas num corredor interminável... a vida... até que se abra a porta final. ao passá-la... fecha-se... sem voltar a se abrir.

mariab disse...

passagens. entradas ou saídas que nos libertam ou prendem. portas. só.
beijos